Desenvolvimento Mediúnico

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Desenvolvimento Mediúnico

Mensagem  Pai Rogério em Qua Set 19, 2012 2:14 pm

Desenvolvimento Mediúnico

Quando não existe um comprometimento por parte dos dirigentes de um templo no desenvolvimento espiritual dos médiuns, se coloca em risco a integridade física e psicológica.

Iniciar qualquer pessoa que tenha vontade de começar o seu desenvolvimento mediúnico de incorporação, sem antes avaliar o grau de mediunidade e o tipo de mediunidade, pode acarretar em muitos problemas, principalmente quando o tipo de mediunidade não corresponde à forma de desenvolvimento adequada.

Outro ponto de atenção, é que os dirigentes precisam acompanhar individualmente o desenvolvimento de sua corrente, e além de orientar de forma coletivamente, é necessário ouvir individualmente, pois as necessidades e dúvidas às vezes não transparecem no coletivo, e o médium acaba por muitas vezes desmotivando-se, e acaba por sair da corrente.
Após o início do desenvolvimento mediúnico, o médium passa por momentos que são bastante delicados, e precisa de atenção para compreender os fenômenos e sentimentos que se passam ao seu redor. Isso significa que é importante passar confiança, pois são como crianças que estão começando a andar, e o próximo passo sempre é o mais difícil.

Às vezes o desenvolvimento se inicia de forma bruta, onde os médiuns “irradiados” pelos seus guias sentem fortes vibrações, balançam, mas não conseguem incorporar os seus guias. Tudo isso é normal, e planejado pelo espiritual, pois o mental do médium precisa se abrir para que o Guia possa conectar-se ao médium.

Primeiro vamos entender o significado de incorporação:

Incorporação
s.f. Ação ou efeito de incorporar.
Estado ou qualidade das coisas incorporadas.
P. ext. Reunião, agrupamento, inclusão.

Incorporar
v.t. Reunir intimamente: incorporar óleo à cera.
Proceder à incorporação de: incorporar os novos alunos.
Reunir (condôminos) para construção de imóvel.
V.pr. Entrar na composição de algum corpo ou nele se meter.
Fig. Congregar-se, reunir-se, juntar-se a.

Pelo sentido da palavra, inicialmente entendemos que o espirito (guia) assume nosso corpo, ou seja, como se colocasse nosso espirito de lado e assumisse o espirito do guia. Mas não é assim que a “incorporação” ocorre, na verdade o Guia conecta-se ao mental do médium, dessa forma, quando o guia quer se movimentar, ele transmite isso mentalmente, e o médium sentem a vontade de se movimentar, assim ocorre com qualquer forma de comunicação entre o Guia e o Médium, tudo é de forma mental.

Pai Rogério
Admin

Mensagens : 10
Data de inscrição : 19/09/2012
Idade : 47

http://www.tadumbandasagrada.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum